Manuais/Debian

Da Hacklaviva

Índice

Instalação

Hei de meter aqui como se faz --ricardo 13h35min de 28 de outubro de 2009 (UTC)

Pós-instalação

Depois de instalar, há algumas coisinhas a fazer para kitar o desktop Gnome (o sistema de janelas que vem por defeito em Debian e Ubuntu). Umas para o sistema ficar mais queridinho, outras para mudar os defaults que não costumam servir para nada.

Fontes

O Gnome costuma vir com uma data de fontes internacionais que apenas ocupam espaço no menu de selecção das fontes (acho que isto é só no Ubuntu). Não são precisas pra nada, por isso um comandinho chega para nos livrarmos delas:

sudo aptitude remove ttf-arabeyes ttf-arphic-uming ttf-indic-fonts-core \
ttf-lao ttf-sazanami-gothic ttf-sazanami-mincho ttf-thai-tlwg ttf-unfonts-core \
ttf-kacst ttf-vlgothic ttf-wqy-zenhei

Depois, importa instalar fontes livres bem bonitas que temos à disposição nos repositórios:

sudo aptitude install ttf-dejavu-extra ttf-droid ttf-inconsolata \
ttf-liberation ttf-linux-libertine ttf-mgopen ttf-sil-gentium

Scribus

Segundo os senhores do Scribus, a versão disponível nos repositórios do Ubuntu não é fixe. Podemos resolver o assunto rapidamente na linha de comandos. (instruções completas aqui, mas o que está nesta página chega)

sudo -s
echo 'deb http://debian.scribus.net/debian jaunty main non-free' >> /etc/apt/sources.list
echo 'deb-src http://debian.scribus.net/debian jaunty main non-free' >> /etc/apt/sources.list
apt-key adv --recv-keys --keyserver subkeys.pgp.net EEF818CF
aptitude update
exit

E depois siga instalar o Scribus:

sudo aptitude install scribus scribus-template gs-afpl

Manuais

Work in progress, só colei aqui os comandos pra não esquecer

sudo aptitude install grokking-the-gimp scribus-doc
mkdir -p ~/Desktop/Manuais/
cd ~/Desktop/Manuais
ln -s /usr/share/doc/grokking-the-gimp/html/index.html Grokking_the_GIMP.html
echo -e '[Desktop Entry]\nEncoding=UTF-8\nName=Get Started with Scribus\nType=Link\nURL=http://wiki.scribus.net/index.php/Get_Started_with_Scribus\nIcon=gnome-fs-bookmark' >> get_started_scribus.desktop
echo -e '[Desktop Entry]\nEncoding=UTF-8\nName=The Inkscape Guide\nType=Link\nURL=http://tavmjong.free.fr/INKSCAPE/MANUAL/html/index.php\nIcon=gnome-fs-bookmark' >> inkscape_guide.desktop
echo -e '[Desktop Entry]\nEncoding=UTF-8\nName=GIMP Manual\nType=Link\nURL=http://docs.gimp.org/2.6/en/\nIcon=gnome-fs-bookmark' >> gimp_manual.desktop
echo -e '[Desktop Entry]\nEncoding=UTF-8\nName=FlossManuals - Inkscape\nType=Link\nURL=http://en.flossmanuals.net/inkscape\nIcon=gnome-fs-bookmark' >> floss-inkscape.desktop

Limpar directórios default

cd ~
rm -fr Examples Templates

Tips & Tricks

Mudar a shell para o zsh

O zsh é bem mais maneirinho que o bash -- é discutível, mas nós gostamos. Por defeito, as novas contas de utilizador são criadas com o bash como shell; para criarmos um user com o zsh como shell, é

useradd joaopestana -s /bin/zsh

(o zsh não vem por defeito no sistema, por isso convém fazer sudo aptitude install zsh antes)

Para mudar a shell que é dada por defeito, é

useradd -D -s /bin/zsh

Descobrir onde uma package foi instalada

Para saber onde estão os ficheiros de uma determinada package, é só

dpkg -L <nome>

Por exemplo, para descobrir onde ficou ou vai ficar instalado o manual Grokking the GIMP (nome da package: grokking-the-gimp), é assim:

dpkg -L grokking-the-gimp

O resultado dá uma porrada de linhas no terminal, porque mostra todos os ficheiros que a package vai instalar. Este comando dá especialmente jeito quando sabemos o que procuramos; neste caso, andaríamos à procura do ficheiro index.html. Por isso, usamos o grep para só nos mostrar o que procuramos:

dpkg -L grokking-the-gimp | grep index.html

E assim ficamos a saber onde está:

/usr/share/doc/grokking-the-gimp/html/index.html

Outras referências

Hackmeeting